FOI PRECISO AO HOMEM MUITO TEMPO PARA SE ELEVAR ACIMA DA NATUREZA!

TODA A ARTE É CONDICIONADA PELA SUA ÉPOCA... De Ernst Fischer
















domingo, 19 de dezembro de 2010

MOUZINHO DA SILVEIRA

EXPOSIÇÃO MOUZINHO DA SILVEIRA - PENSAR PORTUGAL

NO CONCELHO DE GAVIÃO – FREGUESIA DE MARGEM


O Grupo de Amigos de Castelo de Vide em parceria com a Câmara Municipal de Gavião e a Junta de Freguesia de Margem, escolheram o dia 23 de Novembro, data em que o Concelho comemora os 491 anos da sua fundação, para num conjunto de outras iniciativas procederem à inauguração Bibliográfica da Vida e da Obra de Mouzinho da Silveira, para a qual convidaram Representantes de Entidades Públicas e Privadas do Distrito de Portalegre e como convidada especial, a Professora Catedrática Emérita, Dra. Miriam Halpern Pereira, para proferir uma Conferência sobre o célebre Jurista.
O Presidente da Câmara Municipal de Gavião, Professor Jorge Martins, pronunciou um importante discurso, começando por registar o facto de este aniversário ter sido marcado pela descentralização, cabendo essa honra à Freguesia de Margem, elogiando o trabalho dos autarcas e dos habitantes desta região do Concelho que têm sabiamente defendido as suas tradições no campo da agricultura e ao mesmo tempo aderido com entusiasmo à inovação de culturas, aproveitando o Projecto Regadio Tradicional que tem estado a recolher os melhores resultados. Depois de mais alguns considerandos em que se afirmou como um convicto defensor do Poder Local, destacando o papel das Autarquias no Desenvolvimento de Regiões que sem o seu apoio teriam muito mais dificuldades nestes tempos em que a crise atingiu todos os sectores de actividade.
Reafirmando o relevante papel da sua Autarquia no Desporto, na Educação e na Cultura e chegado a este ponto teceu largos elogios à figura do eminente estadista Mouzinho da Silveira, que no seu tempo encontrou aqui nesta Freguesia verdadeiros amigos que nos tempos difíceis em que foi perseguido aqui encontrou abrigo. Foi tão grande essa troca de afectos que levou esse incansável lutador da liberdade a inscrever no seu testamento a vontade de ficar para sempre após a sua morte aqui nesta Freguesia.
Jorge Martins referiu ainda a louvável iniciativa do Jornal “ O Comércio” que fez o apelo a uma subscrição pública para que aqui fosse erguido um monumento a Mouzinho da Silveira, o que veio a acontecer pouco tempo de pois pelas mãos do artista italiano Camels. Não esqueceu o Autarca de referir como foi agradável a parceria da Câmara Municipal com Direcção do Grupo de Amigos de Castelo de Vide para que se fizesse em 17 de Julho uma importante Romagem e de logo em seguida se dispusesse a colaborar na planificação e execução da Exposição que em breve vamos ter o prazer de inaugurar.

O Presidente da Direcção do GACV, manifestou em seu nome pessoal e da Associação que representa, a sentida gratidão pelo facto do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Gavião, Professor Jorge Martins, ter tão prontamente e de forma eficaz cumprido a promessa de apoiar logísticamente e financeiramente a Exposição sobre Mouzinho da Silveira e ao mesmo tempo elogiar a escolha do dia do Município para proceder à sua inauguração associando o nome do nosso ilustre conterrâneo à data mais importante do Concelho. É um gesto que muito nos honra e dignifica mais uma vez as gentes de Margem.
Ao proceder-se à cerimónia da inauguração da Exposição, o Professor Joaquim Pinto Ferreira Canário, Vice-Presidente do GACV, fez uma breve explanação sobre o roteiro dos Painéis e Vitrinas, realçando as obras e os documentos expostos pela primeira vez em público, desejando a atenção dos presentes e convidando os responsáveis pelas Escolas para trazerem os seus alunos para conhecerem algo mais sobre Mouzinho da Silveira.
Realizou-se de seguida a importante Conferencia proferida pela Dra. Miriam Halpern Pereira, que se referiu com pormenor sobre o seu trabalho de pesquisa que teve alguns episódios interessantes, com documentos importantes que estavam esquecidos e abandonados sem qualquer catalogação. A Professora considerada uma das mais prestigiadas biógrafas da obra do grande estadista e da de toda a época em que Mouzinho viveu, fez com simplicidade o percurso do histórico jurisconsulto, prendendo a vasta audiência que no final prestou uma prolongada e efusiva ovação. Foi
uma lição importante lição, lida com a naturalidade e a sabedoria dos grandes mestres de história.



 
 
 
 
 
 
 
 
 
O Grupo de Amigos de Castelo de Vide, agradece à Professora Catedrática e Emérita, Dra. Miriam Halpern Pereira e oferece dois livros sobre Castelo de Vide: No Alto Alentejo - Crónicas e Narrativas, de João António Gordo e Efemérides de Diogo Cordeiro.

Sem comentários:

Enviar um comentário